meta content='WhereTheLightIsBlog' property='fb:admins'/> Where The Light Is - Por Gabriela Cubayachi: Diário do Chile: terceiro dia!

18 janeiro 2014

Diário do Chile: terceiro dia!

Oi gente! Hoje vim fazer mais um post do diário de viagem do Chile e contar pra vocês um pouco do que fizemos no nosso terceiro dia em Santiago! Espero que gostem <3 

Bom, nós tínhamos lido em vários lugares que em Santiago os museus são gratuitos aos domingos, por isso aproveitamos nosso primeiro final de semana na cidade pra ir ao Museu Nacional de Bellas Artes. Como estávamos hospedados no centro, era bem perto indo à pé, mas pra quem for ficar um pouco mais longe, é só pegar o metrô e descer na estação Bellas Artes (linha verde) e andar uns dois ou três quarteirões.

Quando chegamos lá, demos de cara com o Museu de Arte Contemporânea (MAC) e achamos que estávamos no lugar certo. Entramos e só depois percebemos que era uma museu para expor as obras dos estudantes de arte da Universidad de Chile, e não o Museu Nacional de Bellas Artes que estávamos procurando (ele fica bem atrás desse). 

Como é um museu para a universidade, eles cobram a entrada mesmo aos domingos (não lembro o preço exato agora, mas era uns 10 ou 15 reais por pessoa). A maioria das obras expostas eram participantes ou vencedoras de algum concurso cultural do país, o que eu achei bem legal. 

O museu em si não é muito grande, mas é bem bonitinho. Pra quem gosta de arte e tiver um tempinho de sobra em Santiago, vale à pena conhecer!

Ficamos um bom tempo ali e decidimos ir almoçar no famoso Mercado Central (voltamos no outro domingo pra visitar o Museu Nacional de Bellas Artes). Como tudo é bem perto ali, também fomos à pé. 

O mercado é dividido em duas partes, a que eles realmente comercializam os peixes e frutos do mar, e a parte onde ficam os restaurantes (que tem uma decoração bem legal). 


Assim que você chega na frente do mercado, os chilenos já vêm falando português e convidando pra almoçar. Então a dica que recebemos de um brasileiro e que funciona bem é: fale que você já almoçou, senão eles realmente ficam no pé (e é uma chatice). 



Essa parte do mercado só tem restaurantes e algumas lojinhas de souvenirs e turismo mesmo, mas tudo é decorado e iluminado, deixando o lugar incrível e bem autêntico! 




 O prato mais famoso pra comer no mercado central é a centolla, então todos os restaurantes tem. Nós acabamos optando por comer no El Rey del Mariscal, que fica em um mezanino e você tem uma vista bem legal do mercado. 


Como eu não gosto muito de frutos do mar, acabei pedindo um franguinho com salada de aspargo e meus pais e minha irmã pediram a centolla.

Eles têm todo um ritual pra servir o prato. O garçom trouxe a centolla inteira na mão (eles pediram a menor, mas mesmo assim é gigante) e ele mesmo tirou as perninhas colocou no prato com o molho. Pra vocês terem uma ideia, o restaurante todo parou pra olhar, porque é bem diferente mesmo. 


Eu não provei (queria gostar dessas coisas, mas não da!), mas todo mundo em casa achou que o gosto do prato mesmo está no molho e que a centolla em si não é tudo isso. Ela vem com acompanhamento de papas e arroz, além de uma garrafa de vinho... E custa cerca de 45 mil pesos (uns 220 reais).

Acho que é bem legal pra experimentar, mas minha impressão é que o lugar é feito pra turista, sabem? Os chilenos mesmo ficam no mercado de peixes ou ali ao redor. Recomendo muito ir até as barraquinhas de frutas que ficam perto do mercado central, as frutas deles são simplesmente incríveis. Compramos muito morango e cereja ali e gente, geeeeeente... É incrível, não tem nem comparação com o nosso, fiquei impressionada. Além disso, é tudo muito barato! Deu vontade de mudar pra lá só pelos morangos e pelas cerejas, viu? Haha. 


Bom, depois de passear ali perto, nós fomos conhecer a Centro Cultural Estação Mapocho (fica perto do mercado também). Essa estação foi construída pra comemorar o centenário da Idependência do Chile e era a estação ferroviária mais famosa do país. Hoje em dia ela funciona como um centro cultural. 


No dia que fomos, estava tendo um festival no salão principal, mas mesmo assim deu conhecer. O lugar é lindo mesmo! Acabamos vendo algumas exposições muito legais que tinha lá dentro. Vale à pena ir e conhecer, viu? Eu amei! 



Bom, depois que saímos do Centro Cultural, pegamos o metrô ali perto e aproveitamos pra ir ao shopping Costanera Center, que fica no bairro Providência é simplesmente incrível! Dizem que ele é o maior shopping da America Latina (tem 6 anderes)! O único ponto fraco é que não tem Forever 21, mas tem H&M (que não tem no shopping Parque Arauco) e milhões de outras lojas.

Além de tudo, eles têm um programa super legal de desconto pra turista! É só levar o passaporte e apresentar em um stand que fica no primeiro andar, aí eles dão uma pulseirinha de turista e um catálogo com todas as lojas que participam e o desconto que cada uma oferece... Bem legal mesmo. 



Acabamos passando o resto do dia no shopping e jantamos por lá mesmo. Como estava perto do Natal, as lojas estavam ficando abertas até as 23h, mesmo sendo domingo. E bom, pra terminar o dia, aproveitamos pra ir ao Freddo, sorveteria que a gente ama! Aliás, tem como não amar essas gordices? <3

Bom. esse foi nosso terceiro dia em Santiago! Espero que gostem do post!

Comente com o Facebook:

16 Comentários

  1. Adorei as fotos,os lugares são lindos.São ótimos para fotografar.
    Beijos http://modernaatrevida.blogspot.com.br/ ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! E são mesmo <3

      Excluir
  2. Uau!! Mtu legal mesmo. Lá realmente parece ser mtu legal. Tô curiosa pelos morangos e cerejas *-* kkkk Bjoos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, eram uma delícia Quéeezia! <3

      Excluir
  3. Nossa, que dia hein!
    Que terceiro dia agitado, hehehe!
    Ameeeeeei as suas fotos. A que mais me tocou foi a do gatinho bebendo água.
    Eu amo gatos ♥
    Querida, curta a tua viajem! Viajar é umas das melhores coisas do mundo!
    Beijinhos ♥

    Pink CupCake

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Cris! Esse dia rendeeeu!
      E ai, eu também amo gatos <3

      Obrigada! Foi incrível!

      Excluir
  4. Adorei, o Chile tá em uma das minhas próximas opções de viagem então é sempre bom ver diários de viagem, né? Lá no blog também sempre conto minhas aventuras, a última foi agora em dezembro no Uruguai, se quiser dar uma olhada: www.papocomamigas.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Pri! Adoro ler esses diários por aí!

      Excluir
  5. O que mais me deixou interessada foi o shopping esses sorvetes, rsrs
    ;)

    http://o-doce-mundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Post incrível! Amei essas fotos lindas e fiquei morrendo de vontade de conhecer o Chile também ♥
    Beijos,
    http://umablogueirapobre.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Thami! Fico feliz!

      Excluir
  7. Tô adorando seu diário de viagem, Gabi! E nunca fui muito curiosa sobre o Chile mas lendo seu post parece muito legal e realmente dá vontade de conhecer!

    Beijos
    A Mente Transborda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jeh!
      Que bom que tá gostando, obrigada! <3
      Eu também não sabia muita coisa, viu? Mas amei lá!

      Excluir
  8. Adorei as fotos, sem duvida quero conhecer este lugar um dia !

    Beijos, Luana Oliveira
    http://www.paaradateen.com
    http://www.facebook.com/PAARADATEEN

    ResponderExcluir

© Where The Light Is - 2016. Todos os direitos reservados. Design e programação: Folks Creative Studio. imagem-logo