meta content='WhereTheLightIsBlog' property='fb:admins'/> Where The Light Is - Por Gabriela Cubayachi: Tchau, Março!

03 abril 2016

Tchau, Março!




Não sei se vocês também sentiram isso, mas achei que Março durou uma eternidade! Não que seja algo ruim, pelo contrário, eu gosto muito mais quando tenho a sensação de que o tempo está passando devagar... Às vezes a rapidez me assusta um pouco. Eita! Por que eu tenho essa mania de começar a viajar e filosofar no meio da frase? Hehe! De qualquer forma, eu quis vir aqui fazer um resuminho sobre o mês, ou talvez só contar pra vocês o que tem acontecido ultimamente, o que eu tenho gostado e tudo mais! Gosto de separar por categorias, então vamos lá!

Pessoal

Confesso que essa categoria foi um pouco confusa em Março. Comecei o mês com uma perda muito, muito triste na família, e de certa forma a tristeza se espalhou pelo mês, aqui e ali, em pequenos momentos... Como eu acho que é quando a gente demora pra acreditar que alguém realmente se foi assim, de repente... Por um motivo inimaginável. Mas acho que a lembrança de como a vida é frágil despertou em mim um pouco mais de gratidão pelo que eu tenho e, principalmente, por quem eu tenho. Li uma frase durante o mês que me marcou, e dizia "E se você acordasse amanhã só com o que você agradeceu hoje?". Por isso tenho praticado mais a gratidão e dado mais valor aos pequenos momentos, às coisas que a gente tem muita sorte de ter, mas não repara tanto assim. Além disso, o mês foi cheio de coisas boas também. Fechei duas novas parcerias aqui no blog (que, aliás, está crescendo cada dia mais, graças à vocês), tentei coisas novas e tive um mês bem produtivo! E ah, também teve a pré estréia de Meninas Malvadas, a peça que estou fazendo com a minha turma de teatro! A estréia é em Abril, eba!

O que tenho asssistido...

No começo do ano eu resolvi dar uma ~quarta~ chance para Doctor Who. Pois é. Já tinha começado 4 vezes e abandonado 4 vezes por diversos motivos, mas dei uma última chance e... Agora foi, gente. Não só foi, como causou um certo vício e me fez chorar mil vezes, hehe. Estou na nona temporada e enrolando um pouco porque ainda não saiu a décima :( Além disso, também tenho visto alguns vídeos legais no Youtube, e aproveitei pra assistir o Diário de Escrita da Pam! Recomendo pra galerinha que curte escrever, adoro vídeos assim porque me ajudam na organização criativa (meu maior problema!). Ah! Também assisti Convergente no cinema e não gostei muito. Mesmo indo ao cinema sem expectativa nenhuma - porque já me desliguei um pouco dos filmes -, ainda não me conformo em como eles se perderam. Não precisa ser exatamente igual aos livros, né? Mas poxa, os livros são tão bons que da aquela tristezinha em ver como o potencial deles não foi aproveitado nos filmes.

Estou ouvindo... 

Adele! Adele! Adele! Inclusive, tenho ouvido bastante material antigo dela. Essa mulher é incrível, como assim? E pra não perder o costume, tenho ouvido bastante Sam Smith também... Será que um dia esse vício vai passar? :D E ah, claro que estou ouvindo bastante Simple Plan. Vocês já ouviram o álbum novo dos meninos? Chama Taking One For The Team e está MUITO bom! 

Ufa... Acho que é isso! :) E o mês de vocês, como foi? 

Já me acompanha por aí?
YoutubeBloglovin | Instagram | Twitter | Goodreads | Lookbook
    

"Just keep me where the light is." 

Comente com o Facebook:

6 Comentários

  1. Espero que a dor da sua perda diminua pelo menos um pouquinho, e o nome novo daqui me lembra o John amor da minha vida Mayer ♥
    beijinhos, Bru
    Mania de Bruna
    @ManiaDeBruna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Bru! <3 E ahh, é por causa do John mesmo, hehe <3

      Excluir
  2. Oiiii.Muito legal o post,gosto bastante das músicas da Adele e Sam Smith.Beijúuu!
    http://juniaqueiroz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eles são incríveeeeeeis né Ju?? <3

      Excluir
  3. Que delícia de postagem, Gabi! Adorei as indicações super incríveis. O canal da Pam é uma belezura. Estou aqui assistindo. E já imaginava que Convergente iria se perder assim, era o que eu temia. Meu maior receio era que eles se preocupassem tanto com as vendas que iriam desfocar as mensagens da obra, a inteligência e sensibilidade da autora, pra tornar tudo menos críticos e mais "mercadológico", com clímax rasos. Triste de observar. Por isso nem fui checar nos cinemas.

    SEMQUASES.COM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eikeeeee comentário mais fofo!! <3
      Siim, fiquei tão triste com isso! Jogos Vorazes rendeu adaptações TÃO boas que eu fiquei com uma expectativa enorme em relação à série Divergente, mas fueeeein :(

      Excluir

© Where The Light Is - 2016. Todos os direitos reservados. Design e programação: Folks Creative Studio. imagem-logo